fbpx O que é marketing de autoridade e como praticá-lo? - Magtab

Blog

Confira as novidades do nosso sistema.

O que é marketing de autoridade

O que é marketing de autoridade e como praticá-lo?

Marketing de autoridade é um processo de sistematicamente posicionar uma empresa ou pessoa como expert em seu segmento, mercado ou comunidade para exercer uma liderança muito superior à de todos os seus concorrentes.

Esta definição é baseada no conceito estabelecido pelo site americano Advantage Family.

Nesta abordagem de marketing, os esforços de comunicação são feitos, em grande parte, para conferir autoridade para a marca ou indivíduo. Neste ponto, é importante eliminar qualquer possibilidade de confusão semântica em relação à palavra “autoridade”.

Segundo o site Conceito.De, dedicado a definições da língua portuguesa, “autoridade” vem do latim “auctorĭtas” e pode ter pelo menos dois significados.

  • Autoridade significa poder, legitimidade e faculdade. Diz respeito à autoridade que, por exemplo, um governador, prefeito ou policial possui. E, nesse sentido, ela não tem nada a ver com o marketing de autoridade.
  • Autoridade também significa “prestígio ganho por uma pessoa ou organização graças à sua qualidade ou à competência numa determinada matéria ou área de especialidade”. É neste sentido que a palavra tem total conexão com o marketing de autoridade.

Para explicar essa relação, Brian Ainsley Horn citou, em artigo para o jornal americano Huffington Post, uma frase do podcaster especializado em marketing Jack Mize:

“Você começa a se posicionar como autoridade quando publica regularmente informação útil para o seu público. Você resolve problemas, oferece soluções e satisfaz necessidades. As pessoas encontram você simplesmente porque você se posicionou como um educador que advoga pelo sucesso delas.”

Em apenas um parágrafo, ele resumiu a lógica do marketing de autoridade. É exatamente isso: uma pessoa ou empresa escreve de forma educativa sobre um assunto. As pessoas encontram seu conteúdo pelo Google ou redes sociais e criam uma relação de confiança porque aquilo lhes foi útil.

Vejamos um exemplo

A corretora Rico se posiciona como uma das maiores autoridades em investimentos do Brasil. Certamente, existem muitas outras empresas com o mesmo nível de conhecimento que ela em seu segmento.

Entretanto, quando se fazem perguntas genéricas no Google sobre investimentos, quase sempre é a Rico que aparece com a resposta. No exemplo abaixo, a busca foi por “como investir no tesouro direto”.

O que é marketing de autoridade - exemplo da Rico

A Rico aparece nos primeiros lugares, à frente até mesmo de canais fortes, como o canal no YouTube Me Poupe e o site do próprio Tesouro Direto. Por quê? Porque construiu autoridade em seu segmento.

Perceba, portanto, que marketing de autoridade tem forte relação com SEO. Na era digital, o Google privilegia quem tem autoridade.

Em artigo escrito para a revista americana Entrepreneur, uma das mais importantes publicações de negócios voltadas para pequenas e médias empresas, Adam Witty, CEO da Advantage Media Group, respondeu da seguinte forma à pergunta “o que é marketing de autoridade?”:

“A melhor resposta a essa pergunta é que você se estabeleceu como a autoridade e foi fundo para se assegurar de que seja conhecido por cada um de seus potenciais clientes. De forma figurativa, e às vezes literal, você escreveu o livro do seu segmento. Esse é o poder do marketing de autoridade.”

Ao lado de Rusty Sheltom, Witty é autor do livro “Authority Marketing: How to Leverage 7 Pillars of Thought Leadership to Make Competition Irrelevant” (“Marketing de Autoridade: Como Alavancar 7 Pilares de Liderança de Pensamento para Tornar a Concorrência Irrelevante”, numa tradução livre). Por enquanto, o livro só existe em inglês, mas pode ser comprado pela Amazon para ser entregue no Brasil — ou para ser lido em Kindle.

Como praticar?

Segundo o mesmo post da Entrepreneur, existem basicamente sete ferramentas para trabalhar a autoridade de uma empresa ou pessoa.

#1 Branding, que pode ser a construção de uma marca pessoal ou de empresa. Consiste em tornar a marca única, e isso é impulsionado por uma missão, filosofia, jornada ou comunidade. Líderes bem conhecidos são muito claros sobre quem eles são.

#2 Content marketing (ou marketing de conteúdo), que é a forma pela qual se constrói a onipresença. É preciso se comprometer a publicar regularmente conteúdo para o público, e isso pode ser feito de diferentes formas — white papers, artigos, posts, webinars, podcasts, livro e outros.

#3 Referral marketing, que é capaz de gerar um grande número de novos clientes, uma vez que 85% das pequenas empresas obtêm clientes por meio de boca em boca, de acordo com uma pesquisa da Small Business Trends. Mas é preciso incentivar os clientes satisfeitos a recomendar a empresa — e esse é o primeiro desafio. As referências de clientes são as mais comuns e resultam de um ótimo serviço. O outro desafio é o aproveitamento dos influenciadores — que são as pessoas que estão à frente de um grupo de clientes potenciais. É preciso pesquisar para encontrá-los e impressioná-los.

#4 Geração de leads, o que, sim, tem tudo a ver com o marketing de autoridade. É muito mais fácil gerar leads quando se é visto como autoridade porque a aceitação das pessoas à marca será maior. Ela não será percebida como um vendedor implorando pela atenção do público.

#5 Relações públicas e assessoria de imprensa. O humorista americano Will Rogers disse certa vez: “tudo o que sei é o que leio nos jornais”. Pode parecer que essa frase tenha caducado porque foi dita na era offline. Mas ela permanece válida porque as pessoas acreditam no que a mídia diz, especialmente nesta era de muitas fake news. Por isso, ter a marca veiculada em sites noticiosos, jornais, revistas, TVs e rádios gera credibilidade.

#6 Palestra em eventos para o público-alvo também gera autoridade. Não basta subir no palco. É preciso mostrar competência e profissionalismo no conteúdo para confirmar essa posição.

#7 Eventos são onde tribos fiéis de clientes se reúnem. É preciso estar lá, junto a eles. Ou levá-los até as marcas. Por isso, realizar eventos anuais é uma das melhores maneiras de fazer upsell, criar fidelidade e expor mais pessoas ao trabalho da empresa.

Takeaways

Marketing de autoridade é uma técnica de comunicação e marketing que consiste em produzir conteúdo por canais digitais como forma de uma marca ou pessoa conquistar autoridade em seu segmento ou atividade. A partir disso, ela se torna referência para seu público de interesse, aumentando exponencialmente as chances de converter audiência em clientes.

 

Procure-nos para uma consultoria gratuita em marketing de autoridade.

Categorias